segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

EM BREVE...

O maior clássico da Hardmagazine em edição definitiva...




Atenção: devido a problemas particulares a versão definitiva do quadrinho "Mamãe Quer Porra" só começará no mês de Maio. O blog sente muito pelo imprevisto, mas não custa lembrar que todos nós temos obstáculos que nos impedem de realizar as coisas da maneira que desejamos. Enfim, esperamos que superemos esses problemas e possamos enfim postar o quadrinho com toda a dedicação necessária.

Obrigado pela atenção e até mais ver.

Janjão



TRANSAS ERÓTICAS




Clique na imagem para ver online

Nos anos 80, os quadrinhos eróticos nacionais eram abundantes. Desde pequenos catecismos feitos em gráficas de fundo de quintal até editoras eróticas conhecidas no gênero sempre havia publicações em abundância nas bancas de jornais. A conhecida revista Internacional (conhecida por mostrar fotos de mulheres nuas em posições muito mais ousadas que a Playboy) tinha um subgênero dedicado aos quadrinhos.

Foram várias publicações feitas pela Internacional e com boa qualidade. Nesse post vemos contos narrados por uma loira muito safada chamada Clarice. Ela narra tórridas histíorias vividas por ela ou por seus amigos ao longo de 64 páginas. Com um belo desenho do autor Soares, que já deu as caras aqui no blog. Inclusive a cena de dupla penetração foi uma das mais selvagens que eu já vi nos quadrinhos eróticos até hoje. Confiram.



P & B - 64 Páginas - Alta Resolução



sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

CÉLIA 2



De novo o nosso amigo Beda resolveu mexer em seus arquivos e nos brinda com mais um quadrinho "adaptado" da Onix. Uma super obra do grande mestre francês W. G. Colber ou Mancini que fez diversos quadrinhos eróticos na Europa nos anos oitenta. No início de carreira ele maneirava bastante nas cenas de sexo e escondia as cenas de penetração. Mais tarde começou a mostrar tudo e mais um pouco. As suas histórias são permeadas de mulheres sensuais peitudas e voluposas além de ninfetas insaciáveis. Em Célia 2, o que vemos é puro lesbianismo.

Podemos entender todo o empenho da editora Onix em trazer todo o material e publicá-los no Brasil. Ainda mais no meio da era Sarney e Collor em que a economia do país da época forçava as editoras a fazerem "ajustes" e economizar. O trabalho ao todo não é ruim, mas ao perceber anos mais tarde que eles cortavam páginas e faziam traduções "nasco" ficou aquele gostinho de decepção. Mesmo assim vale o down pela curiosidade.



Scan - Beda

P & B - 36 Páginas - Alta Resolução

 


segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

AFRODISSEX - O PÓ DO TESÃO




No final dos anos oitenta a editora Onix, que lançava fotonovelas pornográficas resolveu entrar de cabeça no mundo dos quadrinhos eróticos. Em formatos grandes, geralmente as histórias tinham mais de 30 páginas em formato preto e branco. Uma senhora inovação e novidade na época. Leitores ávidos compravam as revistas a rodo principalmente pela qualidade dos desenhos e das publicações, bem superiores ao que se estava sendo produzidos na época. Muitos achavam que os autores dos desenhos eram brasileiros mas com a vinda da internet, a farsa caiu.

A Onix na verdade repetia os mesmos conceitos de suas fotonovelas. Eles pegavam as publicações importadas e as reproduziam no Brasil na maioria das vezes incompletas. Com as comics foi a mesma coisa. Com a internet descobriu-se que os desenhistas era estrangeiros e que a maioria das histórias em quadrinhos publicadas pela editora vinham incompletas e com porcas traduções. Foi o caso dessa obra , chamada aqui no Brasil como o "Pó do Tesão", mas que tem o título original de "Auroch Horns" do desenhista Amoq.

Ou seja, por algum problema financeiro a Onix resolveu economizar papel e cortou mais de 10 páginas da obra original. Fato comum com outros quadrinhos produzidos por eles como a série Stella.

O que vocês vão ler é a obra "meia-boca". Mas se você quer ver a obra original sem cortes em inglês é só clicar aqui. Confiram até pela curiosidade.

Scan - Beda


P & B - 33 Páginas - Alta Resolução



domingo, 12 de fevereiro de 2012

ZELMA - A INTRÉPIDA



Clique na imagem para ver online

Uma rara e gata surpresa. Uma história antiga do grande Doni Amorim feita no ano de 1987. Ao que tudo indica, uma das primeiras histórias publicadas pelo autor. Pelos traços podermos ver todo o desenvolvimento do talento que consagrou o desenhista anos mais tarde com histórias inesquecíveis do público fã de quadrinhos eróticos. Um grande achado do colega Beda.

Scan - Beda

P & B - 16 Páginas - Média Resolução



A PURITANA


 
Clique na imagem pra ver online

A influência do escritor Nelson Rodrigues na cultura brasileira é algo latente. Mesmo que o autor tenha morrido há anos e suas obras tenham sido publicadas no século passado é impossível que alguém não tenha visto seja pelo cinema ou pela TV algum trabalho do autor. Nos quadrinhos eróticos temos vários exemplos "rodriguianos". A comic postada aqui é um deles. "A Puritana" é uma história curta de uma tia que demoniza o sobrinho depois de flagrá-lo com outra garota em sua casa. Só que o mesmo sobrinho não poderia imaginar que a sua tia tão casta guarda segredos inconfessáveis. Mais Nelson Rodrigues impossível. Infelizmente o desenhista da obra não deu os créditos.
Scan - Beda

P & B - 17 Páginas - Média Resolução



CARRERA 81 - GOZANDO AS FÉRIAS



Clique na imagem para ver online

Mais uma grande história dos catecismos de bolso Carrera, lançados a rodo pela editora nos anos oitenta. O Brasil ainda vivia o período de redemocratização e os conceitos de moral e bons costumes ainda enchiam o saco nas bancas de jornais. Os quadrinhos de bolso, popularizados por Zéfiro viraram tradição e formou uma bela escola de desenhistas. Entre eles Sérgio Lima, um dos desenhistas que mais fizeram trabalhos para a publicação.

A história é bem típica do nosso interiorzão do Brasil. Um filho de fazendeiro vai buscar a sua prima da cidade para ela passar férias na fazenda. Passagem aberta para a sacanagem entre os dois. A cena de ambos no mato com a participação de um garanhão é antológica. Como o pessoal tinha imaginação naquela época...

Um agredecimento especial ao colega Beda que escaneou e disponibilizou esse e mais quadrinhos para a galera. Vamos publicá-los nas próximas horas. Valeu Beda!

Scan - Beda

P & B - 28 Páginas - Média Resolução





sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

AO MESTRE COM MUITO CARINHO

 

Clique na imagem para ver online

Mais uma grande obra da Borghini aterriza no blog da Hard HQ. O hardmaníaco mais veterano já sabe que a editora era umas das referências em quadrinho erótico no Brasil. Sem historias "quebradas" (incompletas) ou poucas páginas, os trabalhos da editora eram sinônimo de qualidade. Caso raro. "Ao Mestre Com Muito Carinho" pega o título parodiando o filme estrelado pelo premiado ator Sidney Potier. Mas diferente do filme dos anos sessenta este professor safado se engraça com as aluninhas carentes de nota e de pica. Bela capa do Chip Young e um roteiro e desenhos muito bem construídos por Júlio Biazzi. Se tratando de Borghini, isso é fato comum. Confiram.


P & B - 60 Páginas - Alta Resolução